República Portuguesa | Saúde Portal do SNS

No desenvolvimento da sua atividade, o CHBV, os seus Profissionais e Colaboradores regem-se pelos seguintes “Valores e Princípios”:

  • Responsabilidade e Transparência;
  • Ética Profissional, a qual sustenta a confiança interna recíproca e a responsabilidade pública;
  • Respeito pela dignidade humana, pela diversidade cultural e pelos Direitos dos Utentes/Doentes;
  • Cultura do Conhecimento e da Excelência Técnico-Profissional;
  • Colocação do Doente no centro de todos os processos e decisões;
  • Melhoria Contínua da Qualidade em um ambiente seguro e amigável;
  • Promoção do Mérito, do Rigor e da Avaliação Sistemática;
  • Atividade orientada para Resultados;
  • Cultura Interna de: Multidisciplinaridade, Trabalho em Equipa e Multiprofissional;
  • Satisfação dos Profissionais e Colaboradores;
  • Satisfação e Confiança de Tofos os seus Utentes/Doentes;
  • Respeito pelo Ambiente.

O CHBV tem, igualmente, em consideração aqueles oito valores fundamentais, a prosseguir por qualquer Serviço Público e que são, simultaneamente, os mais frequentemente proclamados nos países da OCDE. São eles: a imparcialidade, a legalidade, a integridade, a eficiência, a transparência, a responsabilidade, a igualdade e a justiça. A estes valores acrescem os deve enunciados no “Estatuto Disciplinar dos Trabalhadores que Exercem Funções Públicas” (Lei, Nº58/2008 de setembro).

De igual modo, são considerados determinantes as regras e os princípios da “Carta Deontológica do Serviço Público” (Resolução do Conselho de Ministro, Nº 18/93).