República Portuguesa | Saúde Portal do SNS
Infeciologia

História

O Serviço de Infeciologia (SI) do CHBV iniciou a sua atividade em fevereiro de 2001 com as valências de consulta externa e hospital de dia sob a responsabilidade da Dra. Célia Oliveira. Desde então o SI tem crescido exponencialmente, contando atualmente com cinco infeciologistas e tendo expandido largamente o seu leque de atividades e de diferenciação.

Nessa sequência, o SI aposta na formação de internos de formação específica em Infeciologia desde 2010, dois deles já contratados para o SI e colabora na formação de internos de formação específica, de outras especialidades e do ano comum.

Os membros do SI procuram ser ativos na comunidade, estabelecendo parcerias para facilitar o acesso dos doentes aos cuidados de saúde. Nesse sentido, o SI criou protocolo com várias organizações, nomeadamente a Abraço, o Centro de Respostas Integradas de Aveiro, o Estabelecimento Prisional da Região de Aveiro e o Centro de Aconselhamento e Deteção Precoce do VIH (CAD).

De igual forma, o serviço participa ativamente em várias sociedades científicas na área da Infeciologia, nomeadamente a Sociedade Portuguesa de Doenças Infeciosas e Microbiologia Clínica (SPDIMC) e na Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA (APECS).

 

Atividades do Serviço

O Serviço situa-se no 5º piso do edifício principal do Hospital Infante D. Pedro, sendo o pessoal de enfermagem, o secretariado clínico e os assistentes operacionais partilhados com o Serviço de Pneumologia, que funciona na mesma ala. Igualmente o são os espaços comuns, como a sala de enfermagem, sala de tratamentos, sala de estar/refeitório dos doentes e quarto de hospital de dia.

foto_s_inf

Destacam-se seguidamente os principais aspetos da atividade atual do SI:

Internamento – composto por sete camas, duas das quais em quartos individuais com antecâmara comum, adequados ao isolamento de patologias que exijam pressão negativa. As patologias mais frequentemente abordadas no internamento são as infeções respiratórias, infeções urinárias, infeção pelo VIH e patologia associada, tuberculose, infeções da pele e tecidos moles, bem como osteo-articulares e infeções do sistema nervoso central.

Consulta Externa – encontra-se diferenciada da seguinte forma:

•Consulta de Infeciologia: Consulta onde é efetuado o seguimento de doentes com diversas patologias do foro infecioso, com destaque para as hepatites víricas crónicas. Disponível em três períodos semanais (2ª, 3ª e 5ª à tarde);

•Consulta de Imunodeficiência: Consulta destinada ao seguimento de doentes com infeção por vírus da imunodeficiência humana, está disponível em quatro períodos semanais (2ª, 4ª e 5ª feira de manhã, a última com dois períodos simultâneos);

•Consulta de Medicina do Viajante: Consulta destinada à avaliação do risco pré-viagem e aconselhamento individualizado de viajantes. Tem lugar em dois períodos semanais fixos (4ª e 6ª de manhã) e um período opcional sazonal, de acordo com a procura;

A vacinação internacional prescrita é administrada no Laboratório de Vacinação Internacional, localizado a cerca de 800 metros do hospital, sob marcação prévia.

•Consulta de PRIi (prevenção do risco infecioso associado à imunossupressão): Consulta destinada à avaliação e prevenção do risco infecioso associado a tratamentos imunomoduladores (imunossupressores). Realiza-se num período semanal (2ª feira à tarde).

Hospital de Dia – funcionando num quarto, munido de duas camas e um cadeirão, proporciona a realização de exames auxiliares de diagnóstico e administração de tratamentos que, desse modo, não exigem o internamento do doente.

Investigação Clínica – o SI participa de forma ativa na investigação clínica, quer em estudos observacionais quer em ensaios clínicos de tratamentos inovadores. A investigação tem decorrido mais intensamente na área da hepatite C crónica, mas também no que concerne à infeção por VIH e, mais recentemente, na avaliação de novos antibióticos. É, neste aspeto, considerado um centro de referência nacional.

Comissões Hospitalares – tendo no passado membros do Serviço sido responsáveis pela coordenação da Comissão de Controlo de Infeção e coordenação da Comissão de Antibióticos, manteve-se essa responsabilidade desde a fusão destas comissões no PPCIRA (programa de prevenção e controlo de infeções e de resistência aos antibióticos) – sendo a sua atual coordenadora a Dra. Filomena Freitas, que se dedica praticamente a tempo inteiro a esta atividade.

organigrama_infeciologia

Direção Serviço – Dra. Célia Oliveira – Celia.Oliveira.11245@chbv.min-saude.PTdra_celia

 

 

 

 

 

 

 

Enfermeiro Chefe – Enf.ª Fátima Aires – Maria.Reis.12733@chbv.min-saude.pt41

 

 

 

 

 

dra_celia

Dra. Célia Oliveira

Assistente hospitalar graduada sénior e diretora de Serviço

11245@chbv.min-saude.PT

 

 

 

dra_filomenaDra. Filomena Freitas

Assistente hospitalar graduada

11292@chbv.min-saude.PT

 

 

 

 

dr_jorgeDr. Jorge Velez

Assistente hospitalar graduado

11346@chbv.min-saude.PT

 

 

 

dra_sofiaDra. Sofia Nunes

Assistente hospitalar

18213@chbv.min-saude.PT

 

 

 

 

dr_danielDr. Daniel Coutinho

Assistente hospitalar

18237@chbv.min-saude.PT

 

 

 

 

dr_antonioDr. António Maio

Interno de formação específica

58334@chbv.min-saude.PT

 

 

 

 

 

dra_micaelaDra. Micaela Martins

Interna de formação específica

70722@chbv.min-saude.PT

 

 

 

 

 

dra_margaridaDra. Margarida Mouro

Interna de formação específica

70979@chbv.min-saude.PT

 

 

 

Enfermaria de Infeciologia:

– Telefone: 234 378 346

 

Marcação da Consulta do Viajante:

– Telefone: 234 378 360

– E-mail: medicina.viajante@chbv.min-saude.pt

 

Horário de visitas

– 15h30m – 16h30m (2 visitas, uma de cada vez)

– 19h00 – 19h30m (1 visita)